Romanos


  • |Romanos 3:1| Que vantagem há então em ser judeu, ou que utilidade há na circuncisão?

  • |Romanos 3:2| Muita, em todos os sentidos! Principalmente porque aos judeus foram confiadas as palavras de Deus.

  • |Romanos 3:3| Que importa se alguns deles foram infiéis? A sua infidelidade anulará a fidelidade de Deus?

  • |Romanos 3:4| De maneira nenhuma! Seja Deus verdadeiro, e todo homem mentiroso. Como está escrito: “Para que sejas justificado nas tuas palavras e prevaleças quando fores julgado” 9.

  • |Romanos 3:5| Mas, se a nossa injustiça ressalta de maneira ainda mais clara a justiça de Deus, que diremos? Que Deus é injusto por aplicar a sua ira? (Estou usando um argumento humano.)

  • |Romanos 3:6| Claro que não! Se fosse assim, como Deus iria julgar o mundo?

  • |Romanos 3:7| Alguém pode alegar ainda: “Se a minha mentira ressalta a veracidade de Deus, aumentando assim a sua glória, por que sou condenado como pecador?”

  • |Romanos 3:8| Por que não dizer como alguns caluniosamente afirmam que dizemos: “Façamos o mal, para que nos venha o bem”? A condenação dos tais é merecida.

  • |Romanos 3:9| Que concluiremos então? Estamos em posição de vantagem 10? Não! Já demonstramos que tanto judeus quanto gentios estão debaixo do pecado.

  • |Romanos 3:10| Como está escrito: “Não há nenhum justo, nem um sequer;