Juízes


  • |Juízes 18:1| Naquela época, não havia rei em Israel, e a tribo de Dã estava procurando um local onde se estabelecer, pois ainda não tinha recebido herança entre as tribos de Israel.

  • |Juízes 18:2| Então enviaram cinco guerreiros de Zorá e de Estaol para espionarem a terra e explorá-la. Esses homens representavam todos os clãs da tribo. Disseram-lhes: “Vão, explorem a terra”. Os homens chegaram aos montes de Efraim e foram à casa de Mica, onde passaram a noite.

  • |Juízes 18:3| Quando estavam perto da casa de Mica, reconheceram a voz do jovem levita; aproximaram-se e lhe perguntaram: “Quem o trouxe para cá? O que você está fazendo neste lugar? Por que você está aqui?”

  • |Juízes 18:4| O jovem lhes contou o que Mica fizera por ele, e disse: “Ele me contratou, e eu sou seu sacerdote”.

  • |Juízes 18:5| Então eles lhe pediram: “Pergunte a Deus se a nossa viagem será bem-sucedida”.

  • |Juízes 18:6| O sacerdote lhes respondeu: “Vão em paz. Sua viagem tem a aprovação do SENHOR”.

  • |Juízes 18:7| Os cinco homens partiram e chegaram a Laís, onde viram que o povo vivia em segurança, como os sidônios, despreocupado e tranquilo, e gozava prosperidade, pois a sua terra não lhe deixava faltar nada. Viram também que o povo vivia longe dos sidônios e não tinha relações com nenhum outro povo 47.

  • |Juízes 18:8| Quando voltaram a Zorá e a Estaol, seus irmãos lhes perguntaram: “O que descobriram?”

  • |Juízes 18:9| Eles responderam: “Vamos atacá-los! Vimos que a terra é muito boa. Vocês vão ficar aí sem fazer nada? Não hesitem em ir apossar-se dela.

  • |Juízes 18:10| Chegando lá, vocês encontrarão um povo despreocupado e uma terra espaçosa que Deus pôs nas mãos de vocês, terra onde não falta coisa alguma!”