2 Reis


  • |2 Reis 25:1| Então, no nono ano do reinado de Zedequias, no décimo dia do décimo mês, Nabucodonosor, rei da Babilônia, marchou contra Jerusalém com todo o seu exército. Ele acampou em frente da cidade e construiu rampas de ataque ao redor dela.

  • |2 Reis 25:2| A cidade foi mantida sob cerco até o décimo primeiro ano do reinado de Zedequias.

  • |2 Reis 25:3| No nono dia do quarto mês, a fome na cidade havia se tornado tão rigorosa que não havia nada para o povo comer.

  • |2 Reis 25:4| Então o muro da cidade foi rompido, e todos os soldados fugiram de noite pela porta entre os dois muros próximos ao jardim do rei, embora os babilônios 51 estivessem em torno da cidade. Fugiram na direção da Arabá 52,

  • |2 Reis 25:5| mas o exército babilônio perseguiu o rei e o alcançou nas planícies de Jericó. Todos os seus soldados o abandonaram,

  • |2 Reis 25:6| e ele foi capturado. Foi levado ao rei da Babilônia, em Ribla, onde pronunciaram a sentença contra ele.

  • |2 Reis 25:7| Executaram os filhos de Zedequias na sua frente, furaram os seus olhos, prenderam-no com algemas de bronze e o levaram para a Babilônia.

  • |2 Reis 25:8| No sétimo dia do quinto mês do décimo nono ano do reinado de Nabucodonosor, rei da Babilônia, Nebuzaradã, comandante da guarda imperial, conselheiro do rei da Babilônia, foi a Jerusalém.

  • |2 Reis 25:9| Incendiou o templo do SENHOR, o palácio real, todas as casas de Jerusalém e todos os edifícios importantes.

  • |2 Reis 25:10| Todo o exército babilônio que acompanhava Nebuzaradã derrubou os muros de Jerusalém.