• |1 Samuel 30:1| Quando Davi e seus soldados chegaram a Ziclague, no terceiro dia, os amalequitas tinham atacado o Neguebe e incendiado a cidade de Ziclague.

  • |1 Samuel 30:2| Levaram como prisioneiros todos os que lá estavam: as mulheres, os jovens e os idosos. A ninguém mataram, mas os levaram consigo, quando prosseguiram seu caminho.

  • |1 Samuel 30:3| Ao chegarem a Ziclague, Davi e seus soldados encontraram a cidade destruída pelo fogo e viram que suas mulheres, seus filhos e suas filhas tinham sido levados como prisioneiros.

  • |1 Samuel 30:4| Então Davi e seus soldados choraram em alta voz até não terem mais forças.

  • |1 Samuel 30:5| As duas mulheres de Davi também tinham sido levadas: Ainoã, de Jezreel, e Abigail, de Carmelo, a que fora mulher de Nabal.

  • |1 Samuel 30:6| Davi ficou profundamente angustiado, pois os homens falavam em apedrejá-lo; todos estavam amargurados por causa de seus filhos e de suas filhas. Davi, porém, fortaleceu-se no SENHOR, o seu Deus.

  • |1 Samuel 30:7| Então Davi disse ao sacerdote Abiatar, filho de Aimeleque: “Traga-me o colete sacerdotal”. Abiatar o trouxe a Davi,

  • |1 Samuel 30:8| e ele perguntou ao SENHOR: “Devo perseguir esse bando de invasores? Irei alcançá-los?” E o SENHOR respondeu: “Persiga-os; é certo que você os alcançará e conseguirá libertar os prisioneiros”.

  • |1 Samuel 30:9| Davi e os seiscentos homens que estavam com ele foram ao ribeiro de Besor, onde ficaram alguns,

  • |1 Samuel 30:10| pois duzentos deles estavam exaustos demais para atravessar o ribeiro. Todavia, Davi e quatrocentos homens continuaram a perseguição.


Estude Mais